Rua Camé, 1016 - Mooca - São Paulo,  03121-020

Exame de Tomografia

A Computadorizada é, basicamente, um exame que usa a tecnologia de raio-x para diagnósticos mais precisos. Ela tem a capacidade de captar imagens em alta definição da área diagnosticada, detectando alterações muito pequenas em ossos, tecidos, órgãos e outras estruturas do corpo.

De acordo com o radiologista Gustavo Meirelles, as imagens da tomografia computadorizada têm muito mais detalhes do que a da radiografia tradicional (raio-X) e permitem reconstruções em diferentes planos, além de aquisições milimétricas de imagens do corpo humano.

Esse tipo de exame não é invasivo, ou seja, não provoca dor. Além disso, a análise pode ser feita em qualquer parte do corpo como abdômen, tórax, crânio e ossos.

Tomografia com contraste: para que serve?

A tomografia com contraste é necessária em alguns casos para destacar as áreas do corpo que estão sendo examinadas. O material de contraste bloqueia os raios-X e aparece branco nas imagens, o que pode ajudar a enfatizar vasos sanguíneos, intestinos ou outras estruturas. Costuma ser mais usado em tomografias para análises de órgãos, músculos e veias.

1.Via oral

se o esôfago ou estômago estiver sendo escaneado, pode ser necessário engolir um líquido que contenha material de contraste. Esta bebida pode ter um gosto desagradável.

os agentes de contraste podem ser injetados através de uma veia do braço para ajudar a vesícula biliar, o trato urinário, o fígado ou os vasos sanguíneos a sobressair nas imagens. Sensações de calor durante a injeção ou gosto metálico na boca são comuns.

Um material de contraste pode ser inserido no reto para ajudar a visualizar os intestinos. Este procedimento pode provocar inchaço e desconforto.